BELEZA DE DENTRO PARA FORA

Por Aline França

Oi, espero te encontrar bem!

Eu sou Aline França, Consultora de Imagem e idealizadora do Método Terapia da Imagem e essa é a minha primeira coluna aqui na Rede Quero Brasil.

Aceitei esse convite tão especial de vir aqui quinzenalmente conversar com você porque acredito que muitos dos nossos conceitos sobre autoimagem precisam ser revistos.

O que é moda?

A moda tem sido usada como padronização: Perca tantos quilos, alise seu cabelo, vista a última tendência e plim! Temos mais uma boneca pronta na nossa linha de produção… e Moda é tão mais que isso. Moda é forma de auto expressão, é uma ferramenta para você se sentir bem.

Então quero te fazer um convite: Que tal aproveitarmos esses nossos encontros para nos darmos um tempo e nos olharmos. Não o olhar julgador que fomos condicionados a praticar todos os dias ao nos depararmos com um espelho ou com as diferenças. Vamos olhar para dentro e resgatar a nossa singularidade, aquela partezinha que nos faz únicas, a raiz da nossa autenticidade, criatividade, senso de merecimento e amor-próprio.

E como fazer isso?

Sua relação com sua imagem

Ao nos voltarmos primeiro para dentro temos a oportunidade de nos alinharmos com nossos valores. O que é fundamental para você? Quando conhecemos quem somos, podemos então comunicar isso para o mundo.

Feito esse entendimento vamos falar um pouco de teoria. Ao conhecer seu estilo, biótipo, formato de rosto, cores, peças, estampas, acessórios e modelagens que te favorecem, você faz melhores escolhas em relação ao seu guarda-roupa.

Falando em guarda-roupa, o que você me diria se eu te contasse que é possível ter um acervo dinâmico, funcional, com peças para todas as estações, que coordenam entre si, sejam duráveis e caibam no seu orçamento? Imagine como seria sua vida ao ter sempre um look pronto para qualquer situação nova que se apresente e que seja condizente com quem você é. Milagre? Não, Armário Cápsula. Vamos falar muito dele por aqui.

Moda e beleza na Holanda

Moda/Estilo na Holanda

Quando cheguei na Holanda, tive que adaptar meu estilo ao clima que muda toda hora. Roupas impermeáveis passaram a ser indispensáveis em meu acervo. A bike virou meu meio de transporte e consequentemente adaptei as modelagens para ter mobilidade. Com meus calçados não foi diferente, olhei para meus pés e vi que o estilo deles teria que mudar drasticamente. O salto alto e fino, que esmagava meus dedos, foi aposentado para a felicidade dos meus joelhos e a Aline ciclista passou a brilhar os olhos para tênis e coturnos criativos e estilosos que permitem a mobilidade que preciso numa cidade dinâmica como Amsterdam.

Conversando com amigos, também brasileiros aqui na Holanda, percebi que as dúvidas que tive eram companheiras de muitos que, assim como eu, cruzaram o Atlântico para se aventurar nessa terra de moinhos, e pude ver o desabrochar dessas pessoas ao sentirem-se elas mesmas mais uma vez. O reencontro com sua essência se dava nos mais singelos momentos, como, por exemplo, encontrar as roupas certas e perder a resistência de sair de casa nos dias em que a chuva se fazia constante. Essas primeiras “intimidades”, com o tempo, foram possibilitando novas experiências que trouxeram novas “intimidades”com o país.

Meu objetivo como parceira da Rede Quero Brasil é compartilhar o conhecimento que adquiri nos 20 anos trabalhando com moda alinhado a redescoberta de mim mesma na jornada de me sentir em casa por aqui.

Gostaram do roteiro? Bem-vindos a bordo!

O que vocês gostariam de ver abordado aqui nos meus artigos? Contribua nos comentários!

Leia também…

http://redequerobrasil.com/arquivos/1337

Aline é pós-graduada em Gestão e Marketing Estratégico de Negócios, graduada em Gestão do Varejo de Moda e técnica em Estilismo e Coordenação de Moda. Especializou-se em consultoria de imagem, análise de cores e jornalismo de moda.

Comentários

  • Alexia
    04/09/2019 at 16:12

    Oi Aline,
    eu também mudei radicalmente meu estilo, quando vim morar na Holanda.
    Me sinto mais livre, para experimentar e ousar.
    Parabéns pelo artigo, já estou curiosa para o próximo.

  • Agatha Kuiper
    21/08/2019 at 10:48

    Muito bom, Aline! Confesso que também eu estou curiosa com o armário capsula. Espero ouvir à respeito na sua palestra deste sábado em Amsterdam…

  • Marina Scatolin Murarolli
    21/08/2019 at 03:44

    Parabéns pelo artigo, Aline! Adorei duas colocações. Estou ansiosa para saber mais sobre o conceito cápsula.

  • Cecilia Dantas
    20/08/2019 at 11:41

    Nossa! Eu mudei muito o meu estilo de vestir depois que vim morar na Holanda, mas as vezes dou um toque de brasilidade também! 😀 O bom é ser versátil!

chat
Adicionar um comentário