AMIGOS, FINANÇAS E ABUSOS

por Alexia Waagmeester

Quando decidimos assumir o controle da nossa vida financeira, automaticamente temos que fazer escolhas pois, a partir daquele momento, muitas mudanças irão acontecer e toda mudança consiste em perdas e ganhos. Vamos começar pelos amigos.

Mais precisamente pela definição da palavra amigo. Segundo o nosso bom e velho dicionário Aurélio, amigo, dentre outras definições, significa: que é ligado a outrem por laços de amizade. Defensor, protetor, apreciador, admirador, amante, simpatizante ou partidário.

Agora que você já identificou, fica mais fácil saber o tipo de pessoa que está ao seu redor. Esse artigo de hoje é para chamar atenção para a influência dos amigos na sua vida financeira. Algumas amizades podem ser tóxicas e nem percebemos. Muitas pessoas têm hábitos errados e querem te arrastar para essa enxurrada de descontrole financeiro, e você, que é emocionalmente dependente dessa amizade, nem percebe o que está acontecendo.

Aqui algumas dicas:

Fuja dos amigos que te incentivam a gastar o seu dinheiro sem nenhum critério

Você não precisa de ajuda para isso. Você é o único que sabe como foi difícil ganhar, portanto, através de uma análise crítica, você mesmo vai saber quando e quanto gastar.

Se aquela sua amiga maravilhosa resolveu comemorar o aniversário dela em um restaurante caro e depois vai finalizar a noite em club Vip da cidade, onde cada shot custa meia hora do seu trabalho duro, você precisa pensar muito bem se quer estar presente nesse evento. Pois, vale ressaltar: o aniversário é da sua amiga, a ideia de comemorar foi dela, e você é quem vai pagar uma parte da conta, que será dividida igualmente para todos os convidados, independente se você tomou um shot ou dez.

É claro que fica aquela culpa, pois, todos estarão lá e você não; todos queremos fazer parte do grupo, isso é humano, de certa forma parece que fazer o que todos estão fazendo, é o correto. Mas você tem outras opções; como, por exemplo, conversar com a sua amiga e explicar o motivo pelo qual você não vai ao aniversário, ou até encontrar uma outra alternativa.

 Você precisa ficar a noite inteira na festa? Talvez você possa passar por lá, levar um presente, oferecer uma bebida para a aniversáriante, ficar um pouco, tomar alguma coisa, pagar o seu próprio consumo e ir embora. Se for realmente uma amiga, a sua presença por si já será o bastante. Temos que aprender a fazer escolhas.

Dinheiro emprestado é um sério problema quando o assunto é amizade

Pode acontecer que seu amigo, devido a uma emergência, peça um dinheiro emprestado e você quer ajudá-lo. Tudo bem, pode acontecer uma vez, mas cabe a você fazer que isso não se torne rotina. Você é amigo e não um banco; portanto, não se sinta obrigado a emprestar dinheiro todas as vezes que lhe é pedido. Isso pode virar uma bola de neve. Sei que é muito difícil dizer não, mas tudo tem limite, temos que aprender a usar o não se quisermos salvar as amizades.

Existem outras maneiras de ajudá-lo. Todos temos talentos, então veja o que ele tem a oferecer. Você pode comprar um produto ou um serviço que ele tenha para vender, ou apresentá-lo as pessoas que tenham um trabalho nos finais de semana por exemplo, onde ele possa fazer uma renda extra.

Assim você o estará ajudando, e não se sentirá culpado.

The Show-off

 Se você precisa gastar uma parte expressiva do seu salário para comprar roupas caras, pagar contas exorbitantes na saída de final de semana, tudo isso tentando impressionar para ser aceito no grupo social, me desculpe dizer, mas você está andando com as pessoas erradas.

Sabe o que vai acontecer se continuar nesse ritmo? Você vai entrar para o grupo sim, mas o grupo dos endividados. Então preste atenção no que você está fazendo, veja se é essa vida mesmo que você deseja e almeja para o seu futuro. Pois, deve haver um balanço entre a sua vida social e financeira, as duas precisam estar lado a lado.

Não importa o que os outros falem sobre você, pois, quando as contas chegam, é você quem paga, ninguém mais. Lembre-se: você escolhe seus amigos.

Alexia é pós-graduada em História do Brasil e baseada na sua experiência e vivência na Holanda quer desmitificar um assunto tão polêmico que é o dinheiro. http://redequerobrasil.com/listing/palestras-sobre-financas-pessoais-teste/

Leia outros artigos relacionados:

http://redequerobrasil.com/financas-e-relacionamento/

Comentários

  • Alexia
    26/08/2019 at 22:00

    Muito legal, saber que posso ajudar.

    Um abraço.

  • Maria Clara
    11/07/2019 at 23:32

    Boa noite Alexia,

    Nesse artigo, dois pontos me ajudaram e vou colocar em prática, para não errar de novo!

    Bjs

chat
Adicionar um comentário