OS REAJUSTES DE SALÁRIOS NA HOLANDA EM 2019

por Agatha Kuiper

É importante que nós, brasileiros na Holanda, estejamos bem atentos à política salarial do país, independente se somos funcionários, autônomos, empresários ou prestadores de serviços.

Então, quais foram as novidades em 2019?

Mesmo diante de uma baixa inflação, o governo holandês resolveu reajustar as bases salariais. Desde 1o de janeiro de 2019, o salário mínimo legal aumentou em 1,34% para os empregados de 22 anos ou mais.

O Ministério dos Assuntos Sociais e Emprego publicou no Diário do Governo: o salário mínimo bruto aumenta para € 1.615,80 por mês, € ​​372,90 por semana e € 74,58 por dia. 

Interessante né? Diferentemente do Brasil, onde a grande maioria trabalha em uma jornada de 40 ou 44 horas por semana, e o salário é assim indexado, na Holanda as referências são dadas por mês, por semana e por dia, já que os contratos podem variar em todas essas modalidades.


Observe que o salário mínimo depende da duração da jornada e tem como referência uma semana de trabalho em período integral.

Já para os menores de 22 anos, os parâmetros são outros, conforme a tabela a seguir:

fonte: https://www.rijksoverheid.nl

No entanto, é também uma prática na Holanda utilizar como referência o valor de remuneração por hora, principalmente para aqueles famosos contratos denominados Zero Hora ( 0-uren contract). Nesse tipo de contrato, não existe um numero pré-estabelecido de horas de trabalho definido. Em vez disso, o empregador pode chamar de forma flexível o empregado a trabalhar. O contrato de 0 horas é baseado no princípio ‘geen werk is geen loon’. (‘nenhum trabalho, nenhum salário’). Isso significa que o empregador paga apenas o salário das horas trabalhadas que podem variar a cada mês/semana/dia e tem duração determinada.

Abaixo a tabela também fornecida pelo Ministério dos Assuntos Sociais e Emprego, do salário por hora, convertido e arredondado a partir da tabela anterior.

fonte:https://www.rijksoverheid.nl

No próximo artigo, estarei abordando mais profundamente outros temas relacionados ao mercado de trabalho na Holanda. Fique atento aos posts da Rede Quero Brasil no Facebook e no Instagram para saber dos próximos artigos.

Quer deixar sua sugestão de temas a serem tratados aqui? Contribua nos comentários.

Agatha é economista e consultora de empresas, orienta estrategicamente ZZP’rs, empresários e novos empreendedores bem como profissionais na busca de recolocação no mercado holandês.

Comentários

  • Danny Martins
    14/04/2019 at 19:53

    Incrível como a idade influência no salário minimo dos trabalhadores na Holanda!
    Por isso sempre vejo que vários supermercados e restaurantes de fast food sempre optam em empregar menores de 21 anos – assim eles não precisam pagar tanto.

    Obrigado por compartilhar essa informação com a gente Agatha!
    Danny Mx

chat
Adicionar um comentário